60º banda agregada ao projeto Coletivo La Migra‏

18:37 Njeskjarol 0 Comments


Songs of Oblivion, Araraquara, SP
Shoegaze Black Metal

Em meados de 2004 três estudantes da escola secundarista Bento de Abreu começaram a fazer algumas composições, ainda um pouco distante do metal junto com covers, e tocar em bares, desse encontro resolveram montar uma banda fizeram alguns shows, quando em 2006 uma terrível tragédia levou nosso amigo querido e exímio vocalista Tiago Medeiros, ficamos um tempo inativo, o choque foi pesado.
 
Quando no final de 2007 conversamos com um velho amigo Fernando que assumiu a bateria nossa backing vocal Fabiana Oliveira assumiu os vocais e com Renato no baixo e Guto no teclado completamos a formação. Agora com o nome Feralia e tocando uma linha mais ligada ao gothic rock, doom metal e post punk, essa fase durou até 2008 e infelizmente não produzimos nenhum material na época. Cada membro tomou um caminho e o projeto encerrou os trabalhos.
 
Sete anos se passaram, muita coisa aconteceu, até que no final do ano de 2013, Rodrigo Duarte e Fernando Turi se encontraram no terminal de integração de ônibus em Araraquara, Fernando conta que estará deixando a banda de Black metal cujo passou 10 anos na formação e Rodrigo diz que está pensando em iniciar um novo projeto, logo é indagado por Fernando sobre o que está ouvindo e pensando em tocar, e ouve a sintonia Post Black Metal, ambos estavam interessados neste tipo de som. Em meados de 2014 se reuniram com Bruno Cassoni, que desde 2004 vem fazendo composições e iniciamos os primeiros ensaios com um review de uma musica dos tempos de Feralia, agora sob o nome de Songs of Oblivion, e em sequência as novas composições, para completar a formação trouxemos Brenda Almeida para o baixo e iniciamos a composição e ensaio do EP Nihilism.
 
Em setembro de 2015 o EP NIhilism foi gravado no Matuck estúdio em São Carlos, dois meses de mixagens e masterização, em dezembro de 2015 o disco foi lançado para download gratuito.
 
Procuramos como músicos e artistas expressar sentimentos profundos e sombrios que no cotidiano pairam sobre nossa psique, acordes e melodias que muitas vezes aparecem em um gole de café matinal ou poesias que surgem em uma noite de insônia, o lirismo poético clássico é referência constante. E reflexões sobre nosso contexto social contemporâneo também fazem parte da temática das letras e sonoridade.
 
Em um futuro próximo pensamos em lançar um álbum de estreia full, que inclusive já está sendo composto e adiantamos que ficará muito mais trabalhado e visceral que o Nihilism, nas apresentações futuras pretendemos executar alguns dos temas como forma de medir a originalidade do trabalho dentro do que estamos nos propondo a fazer.
 
Com influências de bandas como Alcest, Les Discretes, Fen, Agaloch, Sombres Forets, Gris, Lantlôs, Wolves In The Throne Room, Nargaroth, Nocturnal Depression, Solstafir, Explosions In The Sky, Isis, Slowdive, Bullet Course, Adagio, Katatonia, Pink Floyd.
 
A banda Songs of Oblivion tem como estilo Shoegaze Black Metal, Post Black Metal, Post Rock, Depressive Black Metal, Blackgaze. Em 2015, lançam seu primeiro EP chamado Nihilism que conta com sete composições inéditas, seguindo sua linha de Post Black Metal.
 
Formação:
Rodrigo Duarte (guitarra, composições e letras)
Bruno Cassoni (guitarra, composições)
Brenda Almeida (Baixo)
Fernando Turi (Bateria)

Pagina Oficial no Coletivo La Migra: http://www.coletivolamigra.com/#!songs-of-oblivion/denxa

Fonte: Coletivo La Migra
Site Oficial: coletivolamigra.com

0 comentários: